Logon
Blog

Sangramento na gravidez: entenda as possíveis causas e o que fazer

O sangramento na gravidez pode surgir em diferentes situações, apresentando características variadas. É importante que todo caso seja avaliado por um obste

Agendar Consulta​
​​​​​​

O sangramento na gravidez pode surgir em diferentes situações, apresentando características variadas. É importante que todos os casos sejam avaliados por um médico obstetra para garantir a saúde da gestante e do bebê. 


É normal sentir cólica e sangramento na gravidez?  

No início da gestação, mesmo em condições normais, é possível perceber algumas cólicas leves e eventualmente algum sangramento em pequena quantidade. 

Embora haja situações de normalidade, qualquer sangramento na gravidez merece ser investigado, pois cada caso é um caso.  

Sangramento na gravidez: possíveis causas  

O sangramento na gravidez tem características variadas, podendo ser resultado tanto de quadros que precisam de assistência médica quanto de condições que são consideradas normais. 

As principais causas de sangramento na gravidez são: 

Nidação 

Nidação​ é o processo de implantação do óvulo fecundado na parede do útero — ou seja, é um processo esperado na gravidez. 

Ele ocorre aproximadamente uma semana após a fecundação (encontro do espermatozoide com o óvulo) e pode causar cólicas leves e sangramento marrom ou rosado em pouca quantidade. 

Gravidez ectópica 

Na maioria das gestações, o embrião se fixa e se desenvolve dentro da cavidade uterina. 

Há alguns casos, porém, em que isso não ocorre. Quando o embrião se fixa fora da cavidade uterina, fica caracterizada a gravidez ectópica. 

Essa condição impede o desenvolvimento adequado do feto e pode gerar sangramento marrom, rosado ou avermelhado em pouca quantidade. 

Abortamento 

O abortamento corresponde à interrupção da gravidez antes da 20ª semana de gestação. 

Esse quadro pode ou não causar sangramento. 

Hematoma retrocoriônico 

O hematoma retrocoriônico consiste no acúmulo de sangue atrás da placenta. 

Isso pode levar a sangramento marrom, rosado ou avermelhado em pequena quantidade. 

Placenta baixa 

A placenta baixa é uma condição na qual a placenta, em vez de estar na região superior do útero, se encontra na parte inferior desse órgão. 

​Nesse caso, pode haver sangramento vermelho vivo em maior quantidade. 

O que fazer quando perceber o sangramento na gravidez?  

Sempre que houver sangramento na gravidez, é importante que a gestante passe por uma avaliação médica e realize exames, como a ultrassonografia. 

Assim, o obstetra consegue identificar a causa dessa condição e, se necessário, iniciar o tratamento adequado. 


Veja mais