Logon
Blog

Saiba quais vacinas devem ser aplicadas durante a gestação

Confira abaixo as principais vacinas recomendadas durante a gestação

​Cuidados do pré-natal incluem a atualização da caderneta de vacinação.

A descoberta da gravidez é um dos momentos mais emocionantes para uma mulher – afinal, ser mãe é o sonho de muitas. No entanto, especialmente entre as gestantes de primeira viagem, é comum que surjam diversas dúvidas sobre os procedimentos corretos no pré-natal. Dentre as principais recomendações médicas durante este período, está a atualização da caderneta de vacinação, que inclui a aplicação de vacinas aconselhadas pelo Ministério da Saúde.

O Dr. Renan Mendes, obstetra da Maternidade Brasília, explica a importância da vacinação durante a gestação. “No período de vida intrauterina do bebê, a mãe é a responsável direta por sua imunização, pois a transferência de anticorpos vai desde a gravidez até a amamentação. Dessa forma, estar em dia com as vacinas é fundamental para a proteção da criança e da mãe contra diversas enfermidades, que podem, até mesmo, trazer riscos na formação do bebê”.

Quais são as vacinas necessárias para a gestante?

Confira abaixo as três principais vacinas recomendadas para todos os casos.

  • Tríplice Bacteriana Acelular (dTpa): protege contra a difteria, o tétano e a coqueluche. Apenas uma dose é o suficiente. O período ideal para uso é da vigésima semana até a vigésima oitava semana.

  • Hepatite B: gestantes que não tomaram a vacina podem receber três doses após o primeiro trimestre de gestação com um intervalo de 60 dias entre cada uma.

  • Influenza: pode ser adquirida em qualquer momento da gravidez, sendo mais recomendada nos períodos de alta da infecção (entre o outono e o inverno).

Existem vacinas proibidas durante a gestação?

Devido a efeitos colaterais e possíveis complicações para o bebê, algumas vacinas são contraindicadas para as gestantes. 

Confira quais são:

  • Tríplice Viral: protege contra o sarampo, a caxumba e a rubéola. Só pode ser aplicada após o parto e durante o período de amamentação.

  • HPV: é permitida a aplicação após o parto.

  • Varicela (catapora): assim como a vacina de HPV, sua aplicação só é permitida após o nascimento do bebê.

  • Dengue: esta vacina pode ser adquirida apenas ao fim do período de amamentação.

Casos excepcionais

Existem, também, algumas vacinas que não são recomendadas para todas as gestações, mas podem ser necessárias caso haja riscos específicos para as gestantes. É o caso das vacinas contra a hepatite A e a febre amarela, além das conhecidas como pneumocócicas e meningocócicas conjugada ACWY e B.



Veja mais